Prefeitura de Altos realiza palestra sobre Mês da Consciência Negra

A Prefeitura Municipal de Altos através da Secretaria de Educação e Selo UNICEF promoveu, nesta sexta-feira (19), palestra sobre o mês da Consciência Negra ministrada pela delegada Vilma Alves, com o Tema: ‘Consciência Negra – Relatos e Vivências’, que ocorreu no Auditório da Biblioteca de Municipal de Altos. 

O evento teve por objetivo reforçar o compromisso diário no enfrentamento ao racismo dialogando com a população e tentando reduzir as desigualdades. A palestra conteve relatos e experiências vividas pela delegada Vilma durante toda sua trajetória profissional e pessoal.

Segundo a mobilizadora da educação do Selo UNICEF de Altos, Tatiane Freitas, informou que a inciativa do evento se deu por conta de uma das metas do Selo UNICEF para o município. “Dentro das ações do Selo UNICEF, temos a Conscientização Negra, que é comemorado neste mês de novembro. Então promovemos a palestra com a delegada Vilma, na questão da conscientização, para que as pessoas percebam seus direitos e seus deveres, lutando para se valorizar”, enfatizou Tatiane.

O evento contou com a presença da Secretária de Educação Sônia Lira, da articuladora do Selo Unicef Francisca Ribeiro, e de coordenadores e profissionais da educação municipal além dos secretários de Administração, Dowglas Borges, e de Agricultura, Paulo Pires. E foi transmitido ao vivo através do Facebook da Prefeitura de Altos, onde a delegada Vilma Alves respondeu perguntas dos internautas e reforçou a importância do tema dentro das escolas no combate ao racismo.

“O papel da educação é transformar. Se a criança chama a coleguinha de negra, cabe a professora não reprimir, e sim ensinar não só a criança, mas toda a turma o direito e o respeito. A educação é a ferramenta principal, o mundo está cheio de preconceito e a escola está na sua função de zelar pela educação das crianças, pois a igualdade se estabelece na escola, onde é a base de tudo. Sem educação não há transformação e o professor é a ferramenta principal [nesse debate]”, concluiu a delegada Vilma Alves.

Deixe um comentário